Transtorno de estresse pós-traumático: causas, sintomas e tratamentos

Mulher com Transtorno de estresse pós-traumático

Compartilhe o Post

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

O transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) é um tipo de transtorno de ansiedade e ocorre em pessoas que vivenciaram algum evento extremamente traumático que transformou de forma repentina sua vida.  

O transtorno de estresse pós-traumático pode se manifestar devido a inúmeras situações. Assim, não existe uma regra, pois cada indivíduo percebe a realidade de forma muito única, ou seja, o que pode ser extremamente traumático para um, pode não ser para o outro.  

Porém as principais situações que levam ao TEPT são: 

  • Violência física ou sexual; 
  • Abuso psicológico 
  • Assalto ou sequestro; 
  • Acidente de carro;
  • Morte de uma pessoa querida; 
  • Desastres naturais; 
  • Diagnóstico de doença que ameace a vida. 

E embora qualquer pessoa exposta a algum tipo de trauma psicológico possa desenvolver o distúrbio, as mulheres são duas vezes mais atingidas pela condição do que homens. 

Seus efeitos variam de pessoa para pessoa e a depender do fator desencadeante, podendo causar prejuízos importantes na funcionalidade ou até incapacidade permanente para o indivíduo, e sintomas como: 

  • Lembranças persistentes (“flashbacks” da situação); 
  • Reações físicas (sudorese, náusea e tremores); 
  • Comportamento de esquiva; 
  • Excitação exagerada; 
  • Crenças e emoções negativas;
  • Sintomas depressivos; 
  • Pesadelos; 
  • Sentir culpa pelo que aconteceu;  

O tratamento do transtorno de estresse pós-traumático é extremamente importante e pode ajudar adultos e crianças a ganhar o controle do medo e da angústia, além de aprender a lidar e controlar os outros possíveis sintomas. Conheça os principais:  

  • Psicoterapia – A psicoterapia pode ajudar o paciente de forma que aprenda a enfrentar, lidar e super este trauma, e não deixar que ele afete sua qualidade de vida. Por mais que na maioria das vezes seja desagradável falar sobre o assunto, a exposição repetida a essas memórias de maneira segura e controlada é um mecanismo eficaz de tratamento;
  • Medicação – Antidepressivos, ansiolíticos e outros tipos de medicamentos são comumente usados para ajudar em alguns sintomas físicos e emocionais, como ansiedade e insônia, podendo ser usados sozinhos ou associados com a psicoterapia ou outros tratamentos. 

Estima-se que 90% da população mundial já sofreu algum tipo de evento potencialmente traumático ao longo da vida.  

Então se você ou alguém que conhece passou por algum evento traumático, não hesite em procurar ajuda profissionalConte sempre conosco para te ajudar neste processo, e lembre-se: pedir ajuda é um incrível ato de coragem.

Veja outros posts

Paciente recebendo aplicação de toxina botulínica na testa

Quanto tempo dura a Toxina Botulínica?

Entenda a duração do procedimento e em que momento uma nova aplicação deve ser realizada Você sabia que a sua aplicação de Toxina Botulínica tem